---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

cultura
Restauração da Casa Candemil é inaugurada

Publicado em 05/04/2019 às 14:50 - Atualizado em 05/04/2019 às 14:54

Uma casa para contar todas as histórias da cidade de Laguna, é o que podemos dizer sobre a Casa Candemil. A obra realizada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), com recursos na ordem de R$349.392,56, do PAC das Cidades Históricas, do Governo Federal, restaurou todo espaço da edificação que sedia o arquivo público Municipal.

 


O casario que é um dos representantes da arquitetura da cidade e agora passa a ter toda a estrutura necessária para receber moradores e pesquisadores da memória local, foi entregue na manhã desta sexta-feira (5), através de uma cessão de uso, para a Prefeitura.

 


O centro histórico de Laguna foi tombado pelo Iphan em 1985 e abriga cerca de 600 imóveis, resultando em um conjunto cercado pela beleza natural de suas praias. A Casa Candemil construída no fim do século XIX, por Manoel José Dias de Pinho, apresenta influências da arquitetura luso-brasileira e eclética tendo as quintas portuguesas como modelo. E agora está sendo entregue aos lagunenses completamente restaurada.

 


Na década de 1990, a casa foi doada ao Iphan pela família Candemil e o instituto instalou neste imóvel o arquivo público municipal. Desde então, o edifício abriga centenas de documentos que recontam a história da cidade e sua população, em um rico acervo que é testemunho da história local. Além de toda intervenção na estrutura da Casa Candemil, parte dos recursos estão sendo investidos na catalogação e restauração deste acervo arquivístico e na aquisição de novos mobiliários.

 


Emocionado, Prefeito Mauro Candemil relembra histórias da sua família e fala sobre os novos projetos para a cidade. " Apresentamos mais pedidos para os representantes do IPHAN, que nos incentivaram a realizar os projetos e se dispuseram a auxiliar com a captação dos recursos. Entre as obras solicitadas estão a revitalização da Casa Pinto D' Ulyssea, a transformação no Museu e a instalação da sede da Flama com um horto público municipal. Todo o entorno da Casa Pinto D'Ulyssea já esta comprometido com o IPHAN, assim como os recursos para o clube Congresso. A obras no Blondin começam ainda este ano."

 


Atualmente o arquivo histórico esta sob a responsabilidade da Fundação Lagunense de Cultura, sendo seu acervo constituido por documentos diversos da comarca de Laguna, tais como jornais, certidões, inventários, livros de registros e tombos.

 


"O patrimônio e a cultura é o que nos une. Este projeto foi construido por várias mãos, com o intuito de recuperar memórias, histórias e sentimentos. O IPHAN entende que o passado é necessário para construir o futuro, e que Laguna tem muito para oferecer. " Declarou a Presidente do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Kátia Bogéa.

 


Estiveram presentes na cerimônia: a Presidente do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Kátia Bogéa; o Diretor do Departamento de projetos, Robson Almeida; a Superintendente do Estado, Liliane Nizzola; o Diretor Patrimônio Imaterial, Hermano Fabrício; as Chefes de Divisão Técnica e Administrativa, Regina Helena e Solange Siglinski; a chefe do escritório do Iphan de Laguna, Ana Paula Citadin e a Presidente da Fundação Catarinense de Cultura, Ana Lucia Coutinho. Além de secretários, vereadores e moradores de Laguna. 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar