---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

esporte
Final de semana terá campeonato de veteranos do surf nos Molhes da Barra

Publicado em 24/05/2019 às 15:06 - Atualizado em 24/05/2019 às 15:19

Maurílio Kfouri Neto, conhecedor da onda do Canto dos Molhes, Baixar Imagem

O evento será realizado nos dias 25 e 26 de maio, nos Molhes da Barra. O campeonato The Legends - Vida Marinha terá transmissão ao vivo pelo (www.surfpro.com.br). Para sábado está prevista uma ondulação de sul/sudeste, com tamanho de 1,6 metros pela manhã. Já para domingo a previsão aponta uma maior influência de leste.

 


Não tem previsão de chuva para o final de semana, inclusive, com boas chances dos dias de sol voltarem para a região. Paralelo, ao evento terá comemorações no Dia do Boto Pescador. 

 


A expectativa é receber os veteranos no esporte acima de 35 anos. Alguns nomes de peso já confirmaram participação como: Jojó de Olivença (bicampeão brasileiro Abrasp), Ivan Junckes (bicampeão catarinense pro), Carlos Santos (campeão catarinense pro e campeão mundial master), Saulo Lyra (campeão catarinense pro) e Bilo Wetter (campeão catarinense pro), dentre outros.

 


Alguns ex-integrantes da elite do surfe mundial da WSL também já confirmaram presença, como Fabio Gouveia e Rodrigo “Pedra” Dorneles, além de vários surfistas que fazem parte da história, como Guga Arruda, por exemplo.

 


A etapa marca pontos para o ranking brasileiro master profissional da Associação Brasileira de Surf Profissional (Abrasp).

 

 

Na lista de confirmados para competição já constam nomes como Fábio Gouveia, Jojó de Olivença, entre outros.

 


A agenda do evento também prevê uma homenagem para atletas com mais de 50 anos de idade que carregam em seus currículos os títulos de campeões dos circuitos brasileiros da Abrasp e Catarinense Pro, além de nomes do surfe lagunense, indicados pela Associação de Surf de Laguna (ASL).

 

Entre os nomes de homenageados campeões brasileiros estão Paulo Matos, Paulinho do Tombo (Campeão em 1987); Jojó de Olivença (Campeão em 1988 e 1992); Pedro Muller (Campeão em 1989); Tinguinha (Campeão em 1990 e 1993); e Ricardo Toledo (Campeão em 1991 e 1995).

 

 

Competição

 

 

As baterias terão a duração de 20 minutos.

 


Conforme o presidente da Associação de Surfe Lagunense (ASL) Maurílio Kfouri Neto, conhecedor da onda do Canto dos Molhes, “as expectativas para as ondas no sábado são as melhores possíveis, alucinantes, com ondas de 1m a 1,5m alucinantes. A bancada está ótima no momento, ondas abrindo para os dois lados, bem tubulares, fortes e com pressão. As expectativas para este swell são as melhores possíveis", explica Kfouri.

 


O número final de participantes por categoria, em cada etapa, será definido pelo máximo de baterias possíveis no tempo de 16 horas de competição, em dois dias de evento.

 

 

O nativo Marcelo Masshi, 54 anos, popular Chelo, um dos veteranos locais, grande competidor nas décadas passadas, fez pódio na última etapa em 2018. “Laguna fica fora do cenário catarinense de surfe, mesmo tendo um enorme potencial em todas as suas praias. É super bem vindo este campeonato, super bem valorizado, para a praia muito mais ainda, pela qualidade dos atletas que vão vir, que realmente fizeram a história”.

 

 

Participantes são divididos em:

 

Master – acima 35 anos

 

Gran Master – acima de 40 anos

 

Kahuna – acima de 45 anos

 

Gran Kahuna – acima de 50 anos

 

As próximas etapas acontecerão em 27 e 28 de julho (Garopaba); 19 e 20 de outubro (São Francisco do Sul); 14 e 15 de dezembro (Florianópolis).


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar