---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

esporte
Lutador campeão lagunense de jiu-jtsu tem apoio da prefeitura

Publicado em 13/04/2019 às 12:13 - Atualizado em 13/04/2019 às 12:44


Créditos: arquivo pessoal Baixar Imagem

O lagunense Vinícius Izidoro, que disputa competições de jiu-jitsu desde 2017, agora conta com o apoio da Prefeitura de Laguna.

 

O lutador de 18 anos já ganhou títulos nacionais e internacionais, como brasileiro, europeu, espanhol, inglês, alemão e é oito vezes campeão catarinense de jiu-jtsu.

 

O atleta se prepara para representar a cidade no mundial em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. O apoio da Prefeitura é para custear as passagens.

 

Para outras despesas, o atleta e amigos promovem um jantar beneficente, neste sábado, 13, às 20h30, no QG do Laguna Moto Clube, no Mar Grosso, com a apresentação musical do cantor Yuri D’avila.

 

Quem quiser ajudar pode entrar em contato pelo telefone (48) 99674-2561 ou pelo Facebook: Vinícius Izidoro.

 

 

Emirados árabes

 

O esporte está crescendo no Oriente Médio, com a participação e patrocínios da realeza. O evento que o lagunense irá participar tem realização da Associação de Jiu-Jitsu dos Emirados Árabes, sendo de alta competitividade.

 

Com o apoio do Sheikh Mohammed Bin Zayed Al Nahyan, Príncipe Herdeiro de Abu Dhabi, a Federação de Jiu-Jitsu dos Emirados Árabes Unidos foi estabelecida em novembro de 2012 como autoridade oficial do Jiu-Jitsu, promotora do campeonato.

 

 

Copa Pódio

 

Vinicius em maio, participará do maior evento de lutas casadas, a Copa Pódio, no Brasil.

 

O evento de Jiu-jitsu é um circuito profissional de competições que reúne lutadores de todas as nacionalidades especialmente convidados para os eventos.

 

O formato da competição é de um Grand Prix (GP) dividido em três fases, totalizando 24 confrontos, com aproximadamente 4 horas de duração.

 

Entre os combates do GP são disputadas lutas especiais com atletas de diferentes categorias

 

 

Jiu-jitsu

 

É uma arte marcial baseada no uso do corpo como alavanca e no aproveitamento da força do adversário, tem raízes na China e Índia, mas foi desenvolvido no Japão.

 

Chegou no Brasil em 1914, trazida pelo japonês Mitsuyo Maeda, também conhecido como Conde Koma. Ele ensinou o Jiu-Jitsu a Carlos Gracie. Com o tempo, a família Gracie foi adaptando esta arte marcial e a transformou no Brazilian Jiu-Jitsu, que é atualmente é a modalidade do Jiu-Jitsu mais praticada no mundo e pelo lagunense.